ENTRANDO EM CONTATO COM SEU DRAGÃO

Exercício esotérico de kobudera.

Por TETRAGRAMA

Dando seguimento ao nosso curso de viagem astral nessa oportunidade vamos aprender um procedimento magico do kobudera para nos auxiliar nas saidas astrais. Kobudera é o nome que se dá para inumeras ensinamentos esotericos que tem como objetivo despertar o animal caracteristico de cada um de nós, e é claro outras coisas mais. Entretanto, ficaremos apenas no que se refere ao animal magico de cada um de nós. Não se acha muito sobre o assunto e quando achamos algo é apenas superficial. Logico que deve ser assim, pois Kobudera é uma ciência secreta e mistica ensinada na formação ninja da antiguidade e praticamente desconhecida atualmente. Particularmente vamos aprender a contatar o animal que representa a sabedoria. Esse animal é o dragão. Todos nós temos o nosso dragão e todos esses dragões formam o dragão arquétipo que é a soma de todos. Então temos um dragão que é a soma de todos. Temos que entender a coisa da seguinte forma. No universo temos seres uns mais e outros menos evoluídos, cada ser de determinada evolução igual tem o seu dragão arquétipo. Então temos também o nosso de acordo com nossa característica evolucional. Não podemos entrar em contato com dragões arquétipos de outro circulo evolucional. Assim o nosso dragão arquétipo é a soma de todos os dragões individuais dos seres da esfera da qual pertencemos. Esse dragão então nada mais é do que um elemental artificial com vida própria. É então uma entidade que representa a diversidade de dragões. Nele esta toda a sabedoria da diversidade de dragões individuais. No ocultismo pratico real e obscuro é conhecido como o bibliotecário e nessa ocasião vamos aprender a contatá-lo de forma real. Digo de forma real porque vamos realmente entrar em contato com esse ser.
A noite ao deitar, relaxamos o corpo e a mente. Então bem relaxados com a mente limpa de pensamentos estranhos ao nosso proposito devemos fazer da seguinte forma:
Imaginamos uma caverna escura e entramos nela. Envoltos nas mais profundas trevas dentro dessa caverna devemos invocar o o dragão chamando-o assim “ muuunnnnn draaaaaa cummmmm”, repetindo interruptamente. Muitas vezes podemos adormecer, mas com persistência um momento ele surgira. Na maioria das vezes pode-se sentir saindo em astral em meio a uma nuvem multicolorida, primeiro vemos no escuro dos olhos muitas cores e em meio a essas cores saímos em astral pela nuvem multicolorida. A nuvem é o dragão arquétipo. Dentro da nuvem podemos ouvir sua voz, e aqui tudo o que perguntarmos teremos resposta e podemos aprender exercícios específicos para sair em astral. Enquanto estiver dentro da nuvem estará viajando para lugares dos mais diversos no astral ate mesmo no próprio umbral. Sendo o dragão arquétipo a soma de todos os dragões do nosso circulo evolucional, claro que dentro dele esta dragões de entidades más, assim como de entidades boas. Então poderemos as vezes sentir certas vibrações desagradáveis e outras vezes agradáveis. Dentro da nuvem podemos ouvir alguma proposta, algum acordo ou algo nesse sentido no qual nunca devemos aceitar, nesses momentos devemos permanecer em silencio como se não tivéssemos escutado. Como já disse esta nele todos tipos de dragões, bons e maus e o nosso proposito é apenas sair em astral e aprender exercícios específicos para nós mesmos.

2 comentários:

  1. poxa que legal, vou começar a treinar
    vlw.

    ResponderExcluir
  2. muito interessante seu blog estou começando a estuda-lo !, chegei até aqui procurando sobre co-criaçao . estou gostando de tudu que estou lendo aqui e comecei algumas praticas tambem

    ResponderExcluir

Gostou ou não gostou desse artigo? Seu comentário é importante. Por favor faça um comentário.

Livrarias

 
Top